O Palotinense - Palotina Notícias

MENU
Logo
Sexta, 30 de outubro de 2020
Publicidade
Publicidade

Entretenimento

GUIA FINANCEIRO PARA MANTER O PAGAMENTO DO ALUGUEL EM DIA!

Cuidar de seu aluguel permite negociações mais flexíveis e termos mais favoráveis...

Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

A busca por uma casa para alugar em Londrina, principalmente os com mais de dois cômodos, tem crescido cada vez mais no Brasil, mesmo durante a pandemia do novo Coronavírus. Por conta das novas funções e do trabalho via home office, o espaço se tornou uma prioridade nos lares brasileiros, fazendo com que o mercado de compra e aluguel crescesse consideravelmente. E mesmo com todo este turbilhão de coisas acontecendo ao mesmo tempo, o pagamento do aluguel precisa ser uma das prioridades do inquilino, uma vez que o atraso pode acarretar em problemas de convivência ou até mais sérios como despejo – melhor evitar chegar neste ponto -. Por isso, preparamos uma série de dicas que você pode conferir e praticar para evitar deixar o seu aluguel no vermelho, acompanhe.

LEVANTAMENTO DE GASTOS: Como inquilino, você precisa ter em mente que um valor mensal que faz parte do seu faturamento precisará ser entregue como forma de pagamento do seu imóvel, e para que não seja pego de calças curtas, o melhor – e o ponto inicial de toda essa conversa – é fazer um levantamento com todos os seus gastos. Alimentação, transporte, cursos, contas, boletos, lazer e por aí vai. Absolutamente todos os gastos devem ser revisados, desta forma é possível verificar quais podem ser abatidos das suas contas para evitar que você exceda o seu limite e acabe lhe causando problemas.

RENDA: Após os gastos estarem devidamente planilhados, quem está em busca de uma casa ou apartamento para alugar precisa ter ciência de o máximo que se deve comprometer da própria renda mensal com o aluguel é de até 35%. Desta forma, é possível conciliar contas e compras com o valor mensal do imóvel. Outro ponto que vale à pena destacar aqui é que se você exceder este limite poderá se complicar, na hora de resolver a prestação do aluguel, e acabará sendo taxado como mau inquilino, além de acarretar em sérios problemas judiciais, portanto, fique sempre alerta e não dê o passo maior do que a própria perna.

LOCALIZAÇÃO: Este é outro ponto que pode – e deve – ser um fator positivo, na hora de se procurar uma casa ou apartamento para alugar. Avaliar a localização e verificar se a mesma está de acordo com a infraestrutura que você precisa para o seu dia a dia, com serviços essenciais como supermercado, lojas, parques etc., pode fazer uma diferença enorme no orçamento. Cabe verificar aqui também a distância do imóvel em relação a ocupações como o trabalho e a escola das crianças – se for o caso -. Além de tempo, estas questões envolvem ainda a parte financeira e podem acabaram gerando gastos mensais excessivos em relação ao deslocamento.

RESERVA EMERGENCIAL: Este é outro ponto que deve ser muito bem avaliado pelo inquilino. A reserva emergencial é extremamente necessária quando se trata de aluguel porque ela ajuda a evitar problemas como demissões ou necessidades de deslocamento com mudanças, por exemplo. A partir disso, separar uma pequena parte do seu montante mensal, auxilia na organização e na prevenção de possíveis problemas. Ter uma reserva emergencial é ter a garantia de que mesmo que aconteçam imprevistos, você terá condições de resolve-los sem perder a cabeça.

SEJA DISCIPLINADO: Por último – mas muito longe ser menos importante -, esta talvez seja a dica mais simples e mais difícil a ser seguida porque ela não envolve suas finanças diretamente, mas o seu comportamento em relação a elas. Ter disciplina vai muito além de evitar gastos desnecessários com compras por impulso, por exemplo, mas prevenir para que você possa viver tranquilamente em seu novo imóvel, pagando o aluguel em Londrina e tendo dinheiro suficiente para aproveitar as coisas que você gosta, sem esbanjar. Não gaste mais do que você ganha, não invista em produtos ou serviços desnecessários, pesquise todo e qualquer produto que tenha um valor expressivamente alto em seu orçamento, antes de compra-lo. Desta forma, você obtém um controle ainda maior sobre o seu dinheiro e sobre a sua vida.

Quer saber mais dicas sobre como evitar problemas com o aluguel do seu imóvel? Siga nossas redes sociais e fique por dentro de nossos conteúdos exclusivos. E se você achou este artigo interessante, não se esqueça de compartilhá-lo com seus amigos.

Comentários:

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )