O Palotinense - Palotina Notícias

MENU
Logo
Segunda, 13 de julho de 2020
Publicidade
Publicidade

Região

Cinco novos casos de coronavÍrus em Assis Chateaubriand e agora chega a 62

A Secretaria Municipal de Saúde confirmou mais cinco casos do novo coronavírus (COVID-19) em Assis Chateaubriand

Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

A Secretaria Municipal de Saúde confirmou mais cinco casos do novo coronavírus (COVID-19) em Assis Chateaubriand, conforme mostra o boletim publicado na noite desta terça-feira (16). Na atualização, foram registrados 2 homens com 20 e 59 anos de idade, e uma mulher de 33 anos, que fizeram a coleta para exame laboratorial e os resultados apontaram positivos. Todos estão em tratamento.
Os outros dois casos são de um homem com 45 anos e uma mulher com 60 anos que fizeram o teste rápido, mas já estão curados, uma vez que esse teste revela que eles já contraíram o vírus em algum momento e não podem mais transmití-lo a outras pessoas.
Agora, o município conta com 62 casos oficialmente confirmados, além de outros 16 exames positivos realizados em laboratório particular que aguardam validação do Ministério da Saúde e da Secretaria de Estado da Saúde do Paraná. Ainda conforme o novo boletim, no momento, 2 pessoas estão internadas entre as 19 em tratamento. O número de curados subiu para 42 pessoas, há outras 41 suspeitas em investigação e 197 foram descartadas, após os testes e exames apontarem resultados negativos.
Na primeira semana de junho, nos dias 4 e 5, ocorreram os dois óbitos registrados por causa do coronavírus na cidade, sendo moradoras de Assis Chateaubriand. A primeira vítima da doença foi uma senhora de 79 anos, portadora de hipertensão e diabetes, que ficou internada por 12 dias. No dia seguinte, uma mulher de 37 anos que havia sido hospitalizada no dia anterior, tendo obesidade constatada como única comorbidade, também não resistiu às complicações respiratórias causadas pela COVID-19.
Com o avanço da doença, a recomendação é para que a população reforce os cuidados, evitando reuniões familiares e aglomerações em locais públicos e privados. É essencial que as pessoas lavem as mãos com frequência e façam a higienização com álcool em gel. Ao sair de casa, o uso da máscara facial é obrigatório, tanto nas vias públicas como nas empresas e repartições.
Da Assessoria

Comentários:

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )